SEBRAE – Benefícios dos Serviços de Consultoria Empresarial

O Sebrae é parte de um conjunto de iniciativas orientadas para o fomento do empreendedorismo, como forma de dar musculatura à competitividade das empresas e ao desenvolvimento econômico do Brasil.

O Brasil é, essencialmente, um país empreendedor. Em cada 100 brasileiros entre 18 e 64 anos, 36 estão à frente de algum tipo de empreendimento. É natural perceber que esse imenso contingente se depara com os mais diversos obstáculos, sendo a má gestão a principal responsável pelo insucesso de algumas iniciativas.

Mais empreendimentos serão mais bem sucedidos na medida em que esses empreendedores obtenham apoio e orientação, tanto para começar seus negócios, quanto para tomar decisões importantes, seja no que diz respeito à adoção de novas tecnologias, seja no enfrentamento de problemas ou exploração de novas oportunidades.

É nesse contexto que surge o Sebrae, com mais de quatro décadas de atuação, se destacando como principal instituição de apoio ao micro e pequeno empresário, oferecendo serviços voltados para esse público, contribuindo para o fortalecimento da empresa nacional e da economia brasileira.

O que é o Sebrae?

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas empresas é uma entidade de capital privado, com 47 anos de atuação, cujo propósito é fomentar o sucesso do seu público, contribuindo para o fortalecimento da economia brasileira e a disseminação de bem estar social.

Sebrae

A forma adotada pelo Sebrae para dar vida a esse propósito é amparar com serviços diversos esses empreendedores, conferindo competitividade e sustentabilidade às empresas por meio da adoção das melhores práticas de gestão global e das diversas áreas existentes dentro de uma empresa.

Além de apoiar o empreendedorismo, o Sebrae tem papel importante como incentivador da formalização da economia, cujas ações são decorrentes de parcerias com os setores público e privado. Além dos programas de capacitação, o Sebrae trabalha no sentido de ampliar o acesso ao crédito e à inovação, assim como estimula a organização setorial, a promoção de feiras e rodadas de negócios.

Historia Sebrae

A história do Sebrae, é correto dizer, começou antes de sua criação, propriamente, no ano de 1972. O Sebrae é produto de uma tomada histórica de consciência de que organizações, governamentais ou não, de apoio ao empreendedor eram primordiais para o fomento da atividade econômica empresarial.

Isso aconteceu em 1967, quando a Sudene – Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste – criou os NAI (Núcleos de Assistência Industrial), cuja finalidade era apoiar pequenas empresas com serviços de consultoria.

Com aquela iniciativa, a Sudene repetiu o que já fizera o BNDE, quando da criação, em 1964, da FIPEME (Programa de Financiamento à Pequena e Média Empresa) e do FUNTEC (Fundo de Desenvolvimento Técnico Científico). O Departamento de Operações Especiais, formado por essas duas siglas, estruturou um programa de assessoria gerencial às médias e pequenas empresas.

Constatara-se, desde então, que os altos índices de inadimplência por parte dos empresários com relação aos financiamentos era consequência da má gestão. Essa compreensão está na gênese do Sebrae, que foi criado em 17 de julho de 1972, então Cebrae (Centro Brasileiro de Assistência Gerencial à Pequena Empresa).

O Cebrae foi fruto de uma iniciativa do BNDE e do Ministério do Planejamento. O programa deu frutos e cresceu rapidamente. Em 1979, sete anos após sua criação, formara 1,2 mil consultores e desenvolvera diversos programas de apoio ao pequeno e micro empresário.

Tornou-se Sebrae em outubro de 1990, atendendo ao decreto 99.570, que complementou a Lei 8029, de abril daquele mesmo ano. Foi naquele ano que o Sebrae deixou de ser uma instituição pública e se transformou numa instituição privada, obtendo independência administrativa, mas mantendo-se sem fins lucrativos.

Como funciona?

O Sebrae atua junto aos empreendedores oferecendo cursos, consultoria, seminários e assistência técnica. Essa atuação está disseminada por todo o território nacional. Possui pontos de atendimento ao empresário em todas as 27 unidades federativas do Brasil.

Sebrae

O Sebrae, cuja sede nacional fica em Brasília, atua junto a instituições financeiras, incluindo bancos e cooperativas de crédito, para desenvolver produtos de crédito alinhados com a necessidade do público empreendedor. A proposta de modelos de crédito é decorrente de pesquisa e conhecimento do perfil e necessidades de cada segmento de empreendedores.

Além de trabalhar no sentido de gerar opções de crédito satisfatórias, orienta as empresas a transformar o crédito em resultados, o que só é possível por meio da capacitação do empreendedor para fazer a correta gestão financeira e de outros aspectos do negócio. A fonte de receitas da instituição é o repasse de contribuições, proporcionais ao faturamento, das maiores empresas do país.

Serviços oferecidos pelo Sebrae

O Sebrae oferece muitos serviços para a população, entre eles estão:


  • pesquisa e divulgação por meio de publicações, artigos e notícias;

  • análise do negócio e consultoria, por intermédio de milhares de consultores em  todo território nacional, que atuam nos postos de atendimento ou vão até a empresa;

  • cursos e palestras, presenciais e à distância, voltados para empreendedorismo e gestão;

  • premiações aos empreendimentos que adotam as melhores práticas de gestão, como forma de incentivo à busca das melhores soluções e desempenho nos negócios.

    Quais os cursos que o Sebrae oferece?

Atualmente, entre presenciais e à distância, o Sebrae oferece cursos nas seguintes áreas:

  • Empreendedorismo;
  • Planejamento;
  • Finanças;
  • Mercado e Vendas;
  • Inovação;
  • Cooperação;
  • Pessoas;
  • Organização;
  • Leis.

Consultoria Sebrae

O serviço de consultoria é feito em três etapas: investigação, diagnóstico e proposta de soluções. O trabalho do consultor é identificar pontos falhos na gestão da empresa, relacionados a descontrole dos custos, processos equivocados, atraso tecnológico, baixa produtividade e outros problemas.

A partir desse diagnóstico é possível montar um programa a ser seguido pela empresa para superar essas deficiências e melhorar seu desempenho.

Melhores Faculdades de São Paulo - Confira!

O ensino universitário deve ser compreendido como uma engrenagem estratégica para o desenvolvimento do país e o bem-estar da população. Forma professores, pesquisadores e profissionais nas mais diversas áreas, cuja qualificação permite-lhes atuar como agentes do desenvolvimento e do aperfeiçoamento da sociedade.

São centenas de universidades, públicas e privadas, no estado de São Paulo, que é o estado do Brasil melhor servido pelo ensino superior e por cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado.

Universidades gratuitas

São Paulo conta com 8 universidades públicas e gratuitas, sendo 3 estaduais e 5 federais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *